Home » , , , , , , , , » Das ondas às rimas: novo livro do poeta cearense Magno Martins faz referência aos esportistas do surfe brasileiro

Das ondas às rimas: novo livro do poeta cearense Magno Martins faz referência aos esportistas do surfe brasileiro

Por: J. B. Novare Em: 06/01/2019

“Surfista Poeta” é o mais recente trabalho do poeta cearense Magno Martins, que, além de surfista desde adolescente, carrega em sua bagagem nove livros já publicados anteriormente. Esse seu novo livro de poesias faz uma referência a alguns nomes do surfe brasileiro e a importantes momentos vividos pelo autor, como sufista e colaborador em uma revista voltada ao esporte das ondas. O livro será lançado no dia 16 deste mês, às 19 horas, no Ideal Clube (Av. Monsenhor Tabosa, 1.381 – Meireles), em Fortaleza (CE).

O livro traz poemas sobre os surfistas cearenses e brasileiros, como uma forma de homenagem a alguns dos grandes nomes desse esporte. Além de poemas para as sereias e poesias cantando a beleza de alguns picos de surfe, como Fernando de Noronha, Saquarema e Praia do Francês. “Por trabalhar na Revista Beach Show, pude organizar e produzir muitos ensaios fotográficos para as edições e para as redes sociais. E cada modelo escolhida ganhou uma poesia de minha autoria”, destaca o poeta.

A orelha do livro foi escrita pelo editor da Revista Beach Show, Mardonio Paz. O prefácio foi escrito por Estênio Campelo. O lançamento do próximo dia 16 em Fortaleza, terá exposição de quadros de surfarte da artista Rosa Fonseca, que pintou o que estampa a capa do “Surfista Poeta”. A imagem retrata uma onda surfada por Magno, em Saquarema, no estado do Rio de Janeiro.

Magno Martins tem 43 anos e reside em Fortaleza, Ceará. Esse é o seu décimo livro de poesias publicado. Ele começou a escrever sob influência do pai, o jornalista Luiz Carlos Martins, o qual possui mais de 40 anos de colunismo social em Fortaleza. Luiz Carlos sempre ganhava dos escritores cearenses alguns exemplares de suas obras para fazer uma nota em sua coluna no jornal, e Magno acabava lendo os livros. Até que chegou em suas mãos um livro do jovem poeta cearense Diego Vinhas. Ele ficou admirado com seus poemas. “Comecei a escrever e tratei de conhecer pessoalmente o Diego, que me recebeu super bem.  Me deu vários livos e me emprestou outros. O convidei para fazer o prefácio de meu primeiro livro, Profilaxia Poética. A partir daí não parei mais de publicar”, lembra o autor.

Cursou faculdade de turismo, na Universidade de Fortaleza (Unifor), e Direito, na Uni7. Não chegou a completar nenhum dos dois cursos. Atualmente, Magno Martins trabalha em uma revista (Beach Show) cearense de surfe, há cinco anos. O autor possui uma coluna na revista e escreve outras diversas matérias dentro da mesma, além de vender publicidade e administrar suas redes sociais. Magno surfa desde os seus 14 anos de idade, e pra ele é uma “verdadeira paixão”. “Era quase que inevitável que tal obra, a qual estou lançando, surgiria cedo ou tarde em um dos meus próximos livros. Chegou a hora”, escreve ele.

O primeiro livro do poeta, “ Profilaxia Poética”, foi publicado em 2003, com o prefácio do então Diego Vinhas. O Segundo livro, “Garagem À Céu Aberto” foi publicado em Brasília com prefácio escrito por José Sarney, em 2004. O terceiro, “Portal da Alma”, com prefácio de Dimas Macedo, em 2006. O quarto, “Coleção de Luzes”, em 2007, lançado em Brasília. O quinto, “Sonhos e Salmos”, em 2009, com prefácio de Alci Porto. O sexto, “Transcendências”, foi publicado em 2011, e tem o prefácio de Ubiratan Aguiar. O próximo, “Liberdade Azul”, lançado em 2013, com poemas evangélicos e cunho religioso, conta com o prefácio de Paulo Quezado. O oitavo livro foi “Poesia A Quatro Mãos” e também foi prefaciado por Ubiratan Aguiar (membro da Academia Cearense de Letras). O livro conta com a participação do poeta Estênio Campelo. A nona obra publicada, “Poesia A Quatro Mãos, Volume II”, foi um livro também de dupla autoria, dessa vez com o poeta Ribamar Lima.

0 Comentários:

Postar um comentário

pesquisar

Nossos Parceiros