Home » , , , , » Resenha: A biblioteca - Aloísio Dantas

Resenha: A biblioteca - Aloísio Dantas

Por: Vanessa Cardoso Em: 28/09/2019

Livro: A Biblioteca
Autor: Aloísio Dantas
Ano: 2018
Páginas: 208
Gênero: Romance
Editora: Penalux
Classificação: 4/5 estrelas
Comprar: Ir para loja

Sobre o autor: O professor Aloísio de Medeiros Dantas tem sua vida ligada ao ensino da língua portuguesa na Universidade Federal de Campina Grande, com um trabalho intenso voltado para linguagem e suas realidades, entre as quais a leitura e a escrita. Nas horas vagas lê romances e, quando o tempo permite, escreve narrativas. Em 2000, publicou um livro de contos, "Enquanto sopram os ventos", e, em 2014, publicou a "Sociedade dos livros".

Sinopse: Em uma cidade do sertão nordestino alguns moradores resistem ao fechamento de um quarto com livros, chamado de A biblioteca. A resistência é liderada por Samuel, Maria Clara e D. Manuela, os quais se reúnem para lerem romances e compartilharem suas experiências de leitura. Nestes encontros começam a tomar consciência de sua realidade e percebem o cru jogo político que está por trás das tentativas de fechar a biblioteca, bem como a situação dos emergenciados. Através desse relato, o autor desvela os bastidores da vida política de uma cidade interiorana, marcada pelo coronelismo e pela ditadura militar. Paralelamente e, o leitor entra em contato com uma vasta teia intertextual por meio da citação de trechos de obras lidas pelos personagens e por seus comentários. Na narrativa, a leitura tornou-se a principal forma de resistência ao ambiente miserável e opressor em que os protagonistas estavam imersos. O livro é uma grande homenagem à prática da leitura literária e uma sinalização de que a literatura é um caminho para resistimos aos obscuros tempos que estamos vivendo em nosso país.  Sua leitura fortalece nossa convicção de que mais bibliotecas devem ser abertas, pois, como diz Dona Manuela "[...] essas estórias contadas são as tesouras que cortam o tesouro da minha alma".

Resumo: O livro narra a história de Samuel, um garoto humilde, morador de uma cidade no sertão nordestino e que sonha em passar no vestibular. Procurando um lugar para estudar, acaba descobrindo "um quarto". Repleto de livros, mas com o tempo recebe a ameaça de fechá-lo. Samuel, junto com D. Manuela e Maria Clara resolvem lutar contra o governo local para manter a biblioteca e assim espalhar o conhecimento em um lugar onde a ignorância predomina. Enfrentando várias batalhas, os três percebem o quanto é importante o conhecimento e como somos ludibriados quando não o temos.

Opinião: A história mostra a luta em busca do saber com uma linguagem simples e um designer discreto, contendo uma narrativa altamente crítica, nos mostra a realidade crua de uma sociedade sem conhecimento, se deixando levar e serem influenciados pelos seus governantes. O livro nos faz refletir sobre o quão oprimidos somos e como nossa maneira de pensar impulsiona a livrar-nos das prisões feitas pela ignorância.

0 Comentários:

Postar um comentário

pesquisar

Nossos Parceiros