Home » , , , , » Em primeiro livro da autora Débora Sader, cientistas migram o homem para planeta recém-descoberto

Em primeiro livro da autora Débora Sader, cientistas migram o homem para planeta recém-descoberto

Por: J. B. Novare Em: 09/03/2018

Já com sua terceira edição, a obra de ficção científica “A Última Chance - O Início de uma Nova Era”, é o primeiro livro publicado da autora carioca Débora Sader. A obra é uma publicação independente com 389 páginas (impresso) e traz um grupo de cientistas que descobrem um novo planeta semelhante à Terra, enquanto esta está catastroficamente sendo destruída, e tentam migrar a humanidade para esse novo lar.

Um grupo de importantes cientistas descobre um novo planeta com características semelhantes ao planeta Terra, o que faz deste um planeta habitável para o homem. Essa descoberta coincide com o desenlace de acontecimentos desastrosos que acirram o caos mundial já existente. Enquanto o mundo vai sendo destruído por forças da natureza, mais especificadamente, pelos 4 elementos da Natureza, cientistas inventam uma maneira de levar os sobreviventes para o novo planeta, e essa descoberta torna-se a última chance para a humanidade. No decorrer da história, descobre-se que toda a trama se dá a partir de uma mensagem apocalíptica mantida em segredo por um Papa e revelada por uma vidente.

O projeto de escrita do livro surgiu de forma espontânea e natural. Onde a autora não precisou escolher o tema, ele veio até ela. Para desenvolver a história, Débora teve que fazer muitas pesquisas e se aprofundar nos assuntos que vinham à sua mente, e tudo foi fluindo. A motivação foi o próprio sonho, alimentado dentro de si: escrever e publicar um livro.

Débora da Costa Sader é uma autora brasileira de 33 anos que nasceu e mora em Niterói/RJ. Formou-se em 2006 no Curso de Comunicação Social, com habilitação em Jornalismo, mas não seguiu a carreira. Teve poucas experiências profissionais na área, anos mais tarde acabou trabalhando como tradutora de inglês (uma das coisas que mais gosta de fazer), e em meados de 2014 passou em um concurso como inspetora de alunos do estado do Rio de Janeiro, emprego no qual está até hoje.

Em 2004, a autora participou como autora de um projeto social, “Me Conte A Sua História”, da indústria farmacêutica Febrafarma, nos volumes 1 e 2 dos livros lançados. A ideia era visitar e entrevistar idosos pertencentes a instituições geriátricas espalhadas pelo Brasil e selecionar as melhores histórias. “Participar deste projeto social foi de grande valia para mim, não só como autora, mas também como cidadã. Foi muito gratificante”, diz ela.

Sobre escrever, é algo que Débora sempre gostou de fazer. Á propósito, seu único romance publicado, “A Última Chance - O Início de Uma Nova Era”, foi escrito e registrado em 2008, mas a sua terceira edição - com diagramação e capa nova - somente foi publicada no ano passado (2017), de forma independente. “Sempre tive esse sonho de escrever e publicar uma obra, e poder realizá-lo foi simplesmente fantástico! Pretendo escrever outros romances, só estou aguardando a inspiração vir”, revela a autora.

Além do seu livro “A Última Chance - O Início de uma Nova Era”, Débora possui ainda vários poemas escritos em épocas distintas da sua vida. Alguns deles estão publicados no seu blog pessoal (www.deboradacostasader.blogspot.com.br). A obra em destaque está por R$ 45,00 (impresso) em contato com a autora pelo e-mail deborasader7@gmail.com, pela sua página no Facebook (www.fb.com/deboradacostasader/) ou através do seu Instagram (@debora_c_sader). A versão digital (e-book) está na Saraiva online (https://goo.gl/4HHbPY) por R$ 6,99.

“Gostaria de enfatizar a importância da leitura, não somente para quem pretender escrever um livro e seguir a carreira de escritor, mas também como uma porta para o conhecimento e infinitas possibilidades, para a promoção da cultura e acesso ao conhecimento. A leitura é fundamental não somente para quem quer escrever bem, mas também para quem quer ter o seu horizonte expandido e para quem nunca perde o desejo de aprender e desbravar o desconhecido. A cada página, uma sensação diferente. A cada livro, uma história vivida. A magia proporcionada pela leitura só sabe quem a experimenta e, certamente, vale a pena experimentá-la”, diz Débora. “Por último, deixo aqui meu apoio e incentivo à literatura nacional, especificamente aos autores e autoras nacionais. Tenho fé de que o mercado editorial brasileiro crescerá e se tornará mais acessível em um futuro não tão distante. Creio que há muitos talentos espalhados por aqui e eles precisam ser valorizados”, conclui.

2 Comentários:

  1. Muito bom, fiquei curioso e já estou ansioso para ler. De acordo com a entrevista a história nasceu naturalmente e isso é fantástico. Mas, me responde: após a ideia inicial, quanto tempo levou para escrever a história?
    Obrigado e sucesso a você.
    Milton

    ResponderExcluir
  2. Obrigada Milton!
    Será uma honra tê-lo como meu leitor!
    Então... Levei pouco mais do que 6 meses para finalizar essa história.

    ResponderExcluir

pesquisar

Nossos Parceiros