Home » , , , , , , , » Em livro, autor explica que é possível combater os conflitos interiores e ser feliz sem o uso de medicamentos

Em livro, autor explica que é possível combater os conflitos interiores e ser feliz sem o uso de medicamentos

Por: J. B. Novare Em: 01/11/2018

Em seu primeiro livro, o escritor e psicoterapeuta português Pedro Brás, fundador da maior clínica de psicoterapia do país (Clínica da Mente), explica que mesmo os mais intensos estados de conflito interior, como a ansiedade, os ataques de pânico, as fobias, o luto, até a depressão, podem tratar-se sem recurso a medicamentos. No livro “Feliz Para Sempre”, o autor, com base na vasta experiência no acompanhamento de milhares de pessoas, apresenta uma questão determinante: há um padrão para a infelicidade. E ensina, com clareza, que é possível quebrar esse padrão e ser feliz. O livro é uma publicação da Editora Planeta com 175 páginas e foi lançado no último dia 18 de Setembro em Portugal.

Podemos ser sempre felizes, mesmo nos momentos mais difíceis. O sofrimento que muitas vezes vivemos no presente é uma reação às experiências difíceis que atravessamos nesse momento. Para que as agressões do presente não afetem a nossa felicidade, a nossa paz interior, devemos reagir e lidar com as agressões de forma a conseguir que não nos perturbem. Como? É o que o autor e fundador , explica neste livro: a felicidade, a tristeza, a angústia não têm de ser permanentes. Não devem sequer manter-se nas nossas vidas. Por pior que seja a fase que estejamos a atravessar, podemos ser felizes! Dispomos de todas as ferramentas dentro de nós para o conseguir. Só temos de saber como as usar. E não precisamos de comprimidos.

Os direitos de autor do livro revertem a favor de uma causa social, o projeto Ajuda Por Ajuda com o qual a Clínica da Mente já trabalha, oferecendo serviços gratuitos a populações carenciadas. “Rompa com a tristeza, a angústia, o mal-estar, e até com a ansiedade e a depressão. A infelicidade tem um padrão. E é possível quebrá-lo”, escreve Pedro Brás.

Ao longo de 10 anos como psicoterapeuta, Pedro Brás atendeu muitas pessoas infelizes que teve a oportunidade de ajudar. Na sua prática clínica observou quais os principais fatores que impossibilitam as pessoas de serem felizes e identificou o padrão da infelicidade. A vontade de escrever um livro para partilhar com as pessoas de que modo é possível quebrar o padrão da infelicidade surgiu naturalmente. Ajudar as pessoas a serem felizes com as suas próprias ferramentas, é uma missão que Pedro Brás assume, quer seja em contexto de consulta, quer seja sob o formato de um livro de autoajuda. A obra custa 16,65 Euros pelo site da Livraria Wook (https://www.wook.pt/livro/feliz-para-sempre-pedro-bras/22237538), além de ser encontrada também em Lojas físicas e online de Portugal.

Pedro Brás é português, nasceu a 10 de fevereiro de 1976 e foi em Cinfães que passou toda a sua infância e juventude. Casado, pai de dois filhos, formou-se na área das Ciências Sociais e Econômicas e nunca foi empregado de ninguém, fato do qual se orgulha. Desde os seus 17 anos que se dedicou ao mundo dos negócios, tendo constituído várias empresas pelo qual passaram mais de mil colaboradores. Mas o seu maior interesse, que o acompanhou ao longo de toda a sua vida, são os fenômenos da mente humana. Motivo que o levou a fundar a Clínica da Mente, cuja missão é ajudar as pessoas a serem felizes e mudar o paradigma da Saúde Mental.

Desde jovem que Pedro Brás se interessa pelos fenômenos da mente humana. Foi aos 12 anos de idade, quando recebeu um livro que falava sobre a Hipnose, que o fascínio pela compreensão da mente e pelo comportamento humano aumentou exponencialmente. Tornou-se um objetivo de vida, compreender todos esses fenômenos que condicionam a vida de um ser humano. Ao longo dos anos, paralelamente às diferentes atividades profissionais que desempenhou, estudou Programação Neurolinguística (PNL) e Hipnose Clínica. Começou a pôr em prática os seus conhecimentos com alguns amigos e familiares e o sucesso das suas intervenções era notório. Todas as pessoas por ele intervencionadas, saíam dos estados depressivos ou de angústia a que estavam submetidas há vários anos. Daí, até assumir-se como Psicoterapeuta a tempo inteiro, foi um pequeno passo. Com o decorrer da sua prática clínica, desenvolveu o modelo psicoterapêutico HBM (Human Behaviour Map) e fundou a Clínica da Mente em 2008.

Atualmente, Pedro Brás conta com uma equipa de 23 psicólogos, espalhados pelas suas 4 clínicas, no Porto, Lisboa, Braga e Coimbra. Juntos, já ajudaram mais de 9.000 pessoas a libertarem-se de múltiplas perturbações emocionais que condicionavam as suas vidas. A sua abordagem inovadora e disruptiva tem vindo a contribuir para quebrar o estigma associado à Saúde Mental e à mudança do paradigma da mesma.

0 Comentários:

Postar um comentário

pesquisar

Nossos Parceiros