Home » , , , , , , , » Elementos da natureza e animais fantásticos viram personagens em obra do jovem escritor paranaense Matheus Freitas

Elementos da natureza e animais fantásticos viram personagens em obra do jovem escritor paranaense Matheus Freitas

Por: J. B. Novare Em: 28/08/2018

Para os fãs de fantasia como, como os livros de Harry Potter e Percky Jackon, a obra “Primeira Era: Era Elemental, A Estação Acorrentada” é um apanhado desse mundo cheio de aventuras e criaturas mágicas. Lançado em julho na cidade de Curitiba/PR, o livro é uma publicação da Chiado Books com 226 páginas e apresenta os elementos Lava, Vapor, Pó e Energia (primeiros filhos dos Elementos primordiais) partindo em uma viagem para salvar o reino de seus pais de uma entidade maligna e perigosa. Chegando ao mundo humano, mudado pós-guerra e dominado pelos Sentimentos, eles partem em busca de um deles, que acabaria com a tal guerra.

O livro traz uma história contada num mundo pós-apocalíptico, onde os Elementos estão banidos do mundo mortal e os sentimentos dominam o mundo. Se sentindo ameaçados por essa entidade, os Elementos primordiais (Fogo, Água, Terra e Ar) mandam seus primeiros filhos (Energia, Pó, Vapor e Lava) numa jornada no mundo mortal na tentativa de salvar seu reino. Chegando ao mundo mortal, eles se deparam com a drástica mudança no mundo após a guerra. Os Sentimentos dominam, ascendentes nasceram, tudo mudou. Para tentar dar um fim na guerra que estava por vir e destruiria o mundo, Lava, Aurora, uma ascendente, e Mika, uma raposa feiticeira, seguem em busca de Amor, o sentimento que acabaria com a guerra.

A ideia de escrever o livro surgiu quando Matheus estava lendo um dos seus livros favoritos, “Percky Jackson e o Ladrão de Raios”, e decidiu desde aquele momento que queria escrever o seu próprio livro, ter algo para ser chamado de seu. Foi quando sentou em seu computador e as ideias começaram a fluir: animais mágicos aqui e ali, coisas novas sempre vindo. “Desde quando era criança brincava de magos ou algo sobre magia, sempre fui fascinado por coisas fora do comum (magia, por exemplo), principalmente mitologia grega. Sempre fui obcecado pelos deuses gregos”, diz ele.

“Diria que minha motivação foi em partes: Parte da minha família e parte dos grandes autores que eu lia. Me inspirei e me inspiro até hoje em Rick Riordan, autor de várias obras famosas da mitologia grega. Sou fascinado em suas obras e seu jeito de expressar as palavras. E em outra parte, minha família, meus pais sempre me apoiaram nisso, numa coisa muito delicada para mim, sempre tive total apoio deles, e sou muito grato por isso. Quando descobriram que o livro iria ser publicado pularam de alegria, e isso me motivou a continuar. E faço tudo isso por eles e por mim”, revela o autor.

Matheus Almeida de Freitas tem 15 anos, começou sua carreira de escritor aos 13, quando escreveu o seu primeiro livro. Mora com seus pais em Curitiba/PR, e já participou de quatro eventos literários: três em sua cidade e um em São Paulo (Bienal do Livro). O autor pretende ainda fazer uma trilogia do livro trazendo vários contos de todo mundo, desde o grego até o japonês. O seu livro “A estação Acorrentada” custa R$ 34,00 no site oficial da Chiado Books (https://www.chiadobooks.com/livraria/a-estacao-acorrentada), e também pode ser encontrado nas livrarias Curitiba e Saraiva, e nos sites Submarino, Mercado Livre, Americanas e Shoptime.

0 Comentários:

Postar um comentário

pesquisar

Nossos Parceiros