Home » , , , , , » Poesias engavetadas por vários anos, são resgatadas e publicadas na obra “Bolerus”, do paulista Vanderley Sampaio

Poesias engavetadas por vários anos, são resgatadas e publicadas na obra “Bolerus”, do paulista Vanderley Sampaio

Por: J. B. Novare Em: 05/12/2017

O primeiro livro publicado do escritor e poeta paulista Vanderley Sampaio, recebe o título de “Bolerus” e é indicado a todo e qualquer leitor que goste de variados estilos poéticos. A obra está em pré-venda até o dia 9 de dezembro, data em que será realizado o lançamento oficial, a partir das 16 horas na Oficina MetaCultural (Rua Treze de Maio, nº 120 - Bela Vista/Bixiga), na cidade de São Paulo/SP. O evento terá entrada gratuita, com apresentação de alguns poemas e sessão de autógrafos. Na ocasião o livro será vendido promocionalmente por R$ 30,00, com marcador de páginas incluso.

“Bolerus é um termo instigante para dar nome a um livro que nos sugere uma leitura sem plano de voo definido, em que podemos assistir à dança dos versos construindo imagens, cadências e zumbidos. Nesses poemas e outros delírios líricos de Vanderley Sampaio, somos confrontados com nossos devaneios e temores mais cotidianos ao mesmo passo em que desejamos conhecer o segredo do Universo. O incômodo e inusitado besouro cascudo, que pousa sobre nossas cabeças nas noites quentes e inquietantes, esconde também asas leves e frágeis, que enternecem nossa fúria existencial. E assim, pareando questionamento e desejo, confusão e silêncio, ludicidade e solidão, somos todos convidados a surtar de poesia e a dançar com os insetos barulhentos que sobejam nossos mais profundos pensamentos”, da sinopse da obra.

“Esse é o meu primeiro livro, mas não será o único, certamente”, diz Vanderley. O livro foi publicado pela Editora Scortecci com 120 páginas e está à venda por R$ 35,00 (livro físico) pelo PagSeguro (https://pag.ae/bhrhv6f) e, após o lançamento oficial, também pelas plataformas online das livrarias Cultura, Martins Fontes Paulista, Asabeça e no site da Amazon.

Vanderley Sampaio nasceu em Garça, no interior do estado de São Paulo, no ano de 1972. Começou a escrever poesia na adolescência, quando também mergulhou no teatro como ator amador. Jurando que voltaria, “pediu um tempo” às artes cênicas, para cursar Jornalismo na Unesp, em Bauru (SP). Escrevia durante a faculdade e conheceu novos estilos de poesia. Mas os rumos pessoais e profissionais lhe fizeram guardar os versos na gaveta e esperar um momento mais oportuno. Descumpriu sua promessa e seguiu a vida sem palcos, atuando como jornalista por nove anos e depois como servidor público.

Mudou-se para São Paulo (SP) e formou-se em Direito pela USP. Mas a poesia sempre se manteve presente em sua vida. Em 2016, em parceria com sua companheira Rose Almeida, criou o Absurtos, um blog de poesia nas redes sociais. Muitos novos escritos surgiram e a presença de um número considerável de seguidores/leitores (mais de 100 mil no Facebook e quase 30 mil no Instagram) lhe estimulou a recuperar os textos guardados e juntar aos novos. Assim, nascendo “Bolerus”, um livro que começou a ser gestado há mais de 25 anos. Alguns de seus poemas foram publicados em jornais, sites e nas redes sociais, especialmente no blog Absurtos.

0 Comentários:

Postar um comentário

pesquisar

Nossos Parceiros