Home » , , , , » Autor português Luís Ene publica seu primeiro livro no Brasil pela Editora Penalux

Autor português Luís Ene publica seu primeiro livro no Brasil pela Editora Penalux

Por: J. B. Novare Em: 16/08/2017

Os textos do autor português Luís Nogueira (ou Luís Ene, como assina seus livros) chega ao Brasil, por meio da Editora Penalux, na obra “Às Vezes Acontece-Me Esquecer Quem Sou”. O livro reúne uma coletânea de minicontos mordazes e filosóficos, pela qual pretende o autor divertir e inquietar o leitor, colocando-o perante questões existenciais extremas. São 129 minicontos publicados sob a chancela do Microlux, selo da editora destinado ao gênero minimalista, que contempla as micronarrativas.

O livro evolui em torno de quatro temas essenciais nunca anunciados, mas que são retomados em cada uma das suas partes. : o ser; o amor; a escrita/leitura; e as transformações/metamorfoses. A obra possui cerca de 90 páginas e está por R$ 35,00 no site da editora (www.editorapenalux.com.br/loja/product_info.php?products_id=611).

No texto, de Fernando Cabrita, que completa uma das orelhas do livro, encontramos análise sobre sua produção literária: “Profundidade no estilo, profundidade na execução, profundidade no resultado. E tudo se aparentando afinal de fácil factura. É esta outra lição que nos dá a escrita de Luís: não há palavras pobres, não há palavras banais. Todas as palavras são enormes, pujantes de significação e sentido plúrimo. As acepções nascem, profundas, das palavras que parecem pertencer ao lado pobre da escrita. E com elas, bordadas no talento do autor, se constrói uma grande obra. Sobre tudo paira, como um deus, a concisão. Já o disse e volto a repetir: Luís Ene é um mestre da escrita minimalista”.

Luís Ene reside atualmente em Faro (Portugal), onde passou grande parte da sua infância e adolescência. Em 2002, foi vencedor da 1ª edição do concurso Novos Talentos com o romance A Justa Medida, publicado pela Porto Editora. No mesmo ano criou o blog Mil e Uma Pequenas Histórias, fazendo em simultâneo a sua entrada no mundo dos blogs e na arte da micronarrativa. Foi fundador e coeditor da Minguante, revista online de micronarrativas. Participou na criação de grupos de escritores no Algarve e em vários eventos de dinamização literária como o festival Poesia e Companhia, realizado em Faro em 2014. Tem lido os seus textos em público, acompanhado muitas vezes de músicos, sendo o seu projeto mais recente “A língua no ouvido”. 

“Nada é simples quando se trata de palavras. Quando se trata de palavras até a palavra simples é complicada”, diz o autor, que vem de uma trajetória literária construída sobre essa vertente minimalista.

0 Comentários:

Postar um comentário

pesquisar

Nossos Parceiros