Home » , , , , » Cinzas da alma: uma ficção poética para limpar os males do dia-a-dia

Cinzas da alma: uma ficção poética para limpar os males do dia-a-dia

Por: J. B. Novare Em: 04/01/2017


“Cinzas da Alma” é um livro de estreia e escrito pelo estudante de psicologia Josuã Krick, autor gaúcho que entra para o mundo do mercado literário com sua primeira obra publicada. A obra é um conjunto de crônicas e microcontos, escritos através de experiências reais vividas e observadas pelo autor ao longo dos seus dias, e alteradas para uma ficção poética.

O lançamento do livro será neste sábado, dia 7 de janeiro a partir das 18h, no Empório Canela Livraria e Bistrô, na Rua Felisberto Soares, 258 no centro de Canela (RS). O local do evento é um dos mais aconchegantes para aqueles que apreciam uma boa leitura. A entrada para a festa de lançamento será livre e os visitantes poderão comprar o livro e sair com ele autografado pelo autor, que ficará à disposição durante toda a sessão.

A obra contém 178 páginas recheadas de crônicas e contos, que prendem o leitor em uma envolvente viagem literária. Foi publicada no formato físico sob o selo Redondeza Contos da editora Multifoco, e já está à venda pela internet no endereço http://editoramultifoco.com.br/loja/product/cinzas-da-alma/ pelo valor de R$ 32,00. Após o lançamento, o livro estará disponível também no site das livrarias Cultura e Travessa.

O AUTOR

Josuã Krick é gaúcho, natural de Canela no Rio Grande do Sul, e um fanático por leitura e escrita, o qual as usa como uma terapia pessoal. Estuda psicologia na FACCAT - Faculdades Integradas de Taquara (RS) e atualmente trabalha na Prawer Chocolates em Gramado (RS). A sua rotina diária é cansativa, por razões das longas viagens para estudo e trabalho, mas mesmo assim encontrou forças para realizar aquilo que sempre desejou.

Desde a infância Josuã sonhou em um dia ser escritor e ter o seu próprio livro publicado. Mas isso não passava de um mero sonho, até surgirem os incentivos de um amigo que o ajudou a arriscar e jogar suas escritas em mesas editoriais, onde obteve êxito e o sonho finalmente realizado.

Com o apoio de cada pessoa que se fez presente em sua vida, de forma boa ou ruim, Josuã Krick encontrou na escrita uma forma de terapia para limpar os males da alma, acumulados no dia-a-dia. Acreditando que cada coisa ruim que acontece, nos traz em troca, uma coisa boa, em algum momento no futuro, como uma forma de manter o equilíbrio do próprio espírito.

0 Comentários:

Postar um comentário

pesquisar

Nossos Parceiros